Página 386-387 - Manual de Identificação de Plantas Infestantes - Hotifrúti

Versão HTML básica

384
385
Família Euphorbiaceae
Croton campestris
A. St.-Hil.
N.V.: capixingui, caruru-açu, curraleira, velame-do-campo, velame-verdadeiro.
Espécie subarbustiva perene que se desenvolve em todo o País. Ocorre commaior frequência nas Regiões
Nordeste e Sudeste do Brasil, especialmente em áreas de cerrado. Fornece néctar para abelhas-europa.
Apresenta caule com ramificação dicotômica, ramos eretos, cilíndricos e revestidos por intensa pubescência
ferrugínea. Folhas simples dispostas de forma alternada helicoidal, com o pecíolo e o limbo também
pubescentes emambas as faces. Limbo de textura grossa, longo-ovalado a lanceolado, de base arredondada
a cordata, ápice agudo ou, menos frequente, obtuso e margens irregularmente onduladas ou denteadas.
Inflorescência terminal do tipo cacho, constituída por flores unissexuadas. Flores masculinas localizadas
na parte superior dos cachos, as quais contêm pedúnculo, tépalas brancas em número de 5 e androceu
comnumerosos estames tambémde coloração branca. Flores femininas inseridas na base, constituídas por
pedúnculo, 5 tépalas brancas e gineceu com ovário tricarpelar. Fruto seco do tipo cápsula. Assemelha-se
muito com
C. heliotropiifolius
, que possui o caule revestido por pelos mais longos, e as folhas com a face
superior glabrescente e margens finamente serreadas. Propagação por meio de sementes.